Pulverizador agrícola: O que você precisa saber

Compartilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Para garantir uma boa colheita é necessário realizar a proteção da lavoura contra pragas, doenças e insetos, por isso os pulverizadores utilizados nestes processos precisam ser de qualidade, para que os produtos utilizados atinjam o alvo desejado sem muito desperdício, garantindo a eficiência das aplicações. A escolha do pulverizador depende basicamente do tipo de cultura e do tamanho da plantação.

Alguns cuidados com a manutenção do pulverizador são necessários, assim como a limpeza e a calibração, assim é possível aumentar a vida útil dos equipamentos, além de economizar insumos e aumentar a eficiência do trabalho.

Acompanhe algumas dicas de manutenção:

Limpeza: Após a utilização do pulverizador é necessário que o mesmo seja limpo, pois os resíduos agroquímicos que ficam no equipamento podem contaminar pessoas ou animais. Além disso, restos podem acabar se misturando com o novo produto a ser pulverizado, prejudicando a performance dele. A limpeza deve ser feita com água, detergentes específicos e desengraxantes, sempre removendo partes específicas como gatilho, filtros e bicos. O tanque de armazenamento também deve ser lavado.

 Regulagem e calibração: A regulagem e a calibração do equipamento garante que os produtos agroquímicos sejam aplicados corretamente, na quantidade desejada.

 Substituição de peças: Atentar-se à manutenção e à troca de algumas peças é imprescindível para garantir o bom funcionamento do pulverizador. Os bicos merecem atenção especial pois quando estão desgastados geram desperdício de produtos. Para evitar esse problema, eles devem ser substituídos quando a vazão estiver se desviando, no máximo, 10% em relação à vazão nominal. 

Fique conectado

Mais notícias

Login