Agricultura digital: entenda o que é, vantagens e como fazer

Compartilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Agricultura digital é um conjunto de tecnologias que auxiliam o produtor nas atividades rurais. Isso inclui softwares e dispositivos que coletam e analisam dados sobre a lavoura para viabilizar a automação e dar base para decisões estratégicas. Saiba mais sobre as novas tecnologias que estão sendo aplicadas nas propriedades rurais e entenda o real impacto que exercem na produção!

O que é agricultura digital?

A agricultura digital, ou Agricultura 4.0, herdou esse nome da Indústria 4.0. Assim como sua antecessora, ela reúne tecnologias para otimizar as atividades do campo por meio de conectividade, sensoriamento remoto, entre outras ferramentas relativas à tecnologia da informação. Todos esses instrumentos de TI empregados na propriedade rural terão a função de coletar e analisar dados sobre o clima, o solo, a lavoura e os equipamentos. Munido dessas informações, o sistema consegue entender as variabilidades que ocorrem dentro da fazenda e, assim, propor as melhores soluções, como pulverização, adubação em taxas variáveis e planejamento mais preciso na aplicação de defensivos.

QUAIS SÃO AS VANTAGENS?

Aumento da produtividade

Com as ferramentas que orientam o produtor no melhor aproveitamento do solo e dos insumos, a produtividade da fazenda aumenta substancialmente, produzindo mais, com menos recursos e com maior qualidade.

Redução de custos

Por meio do auxílio da tecnologia, o produtor consegue medir e enxergar onde ele erra. A agricultura digital vem muito voltada a isso: conseguir mensurar os processos e auxiliar nas decisões estratégias capazes de reduzir o desperdício.

Aumento da eficiência

Por meio de equipamentos conectados, o produtor consegue medir sua eficiência operacional e, com isso, fazer modificações que possam otimizar ainda mais seus resultados.

Que desafios são encontrados na implementação?

Temos o problema da conectividade, pelo menos nos países em desenvolvimento. As ferramentas da agricultura digital no campo precisam, em sua maioria, de uma conexão com a internet, recurso escasso nas grandes propriedades rurais brasileiras. Como forma de vencer essa barreira, algumas empresas conseguem conectar as máquinas por meio de um sinal de rádio emitido a partir de um escritório central na fazenda. Esse local recebe a conexão com a internet e a transmite via rádio para locais mais distantes da propriedade.

Não há dúvidas de que a agricultura digital é uma tendência que veio para ficar e está revolucionando o agronegócio. Não fique para trás e faça você também parte dessa revolução. Conte com os produtos Case IH para elevar o potencial da sua lavoura com mais tecnologia e rentabilidade.

Com informações de: Revista Atallea Agronegócios 

Fique conectado

Mais notícias

Login